Compre pelo Telefone: 0800.777.6601

Buscar

Digite o termo que deseja buscar:

Top 5


Início > Edições Anteriores > Caros Amigos Ano 01 Ed 010
Caros Amigos Ano 01 Ed 010



clique na imagem para ampliar
Receba seu exemplar em casa - FRETE GRÁTIS
Disponibilidade para envio: Imediata
R$ 13,50


Pague em até 6x no cartão

1 x R$ 13,50Total - R$ 13,50
2 x R$ 6,75Total - R$ 13,50
3 x R$ 4,50Total - R$ 13,50
4 x R$ 3,38Total - R$ 13,52
5 x R$ 2,70Total - R$ 13,50
6 x R$ 2,25Total - R$ 13,50

 


Quer saber o valor do frete?
Entre com seu CEP    
   
Não era o que você procurava?
Envie-nos uma mensagem.

Características

Edição nº 10

Capa: Mano Brown

Sumário:

Guto Lacaz

Leo Gilson Ribeiro vê as coisas boas e más que a indústria cultural põe à venda

Gabriel Priolli brinca sério com recente experiência austríaca que mais uma vez aproxima ciência da ficção; Ana Miranda publica um texto, sobre o trabalhador, que a revista de uma grande empresa tinha encomendado a ela, mas que foi recusado por ser considerado “subversivo”(Ainda!). Diogo Pacheco fala da diferença entre ouvir música em casa e no teatro

O que vem acontecendo com a grande imprensa mundial, cada vez mais obediente ao comércio. Por Renato Pompeu

André Forastieri diz que em 98 quer se tornar “rico e glorioso”. Mylton Severiano estréia seção – Enfermaria – tratando de fatos que deixam nele a interrogação: “O louco sou eu, ou é o mundo?”

Carlos Stautz traz uma matéria inquietante sobre um acordo, chamado Multilateral Agreement on Investiments, preparado pela OCDE, organização que reúne as 29 nações mais ricas do mundo e que deverá ser assinado agora em abril. Diz o jornalista que, perto desse acordo, “a globalização é fichinha”

Ruiy Fernando Barboza conta do assalto acontecido no edifício onde mora e que revela a inesgotável criatividade do ladrão nacional: aproveitar a confusão que acontece quando está havendo uma mudança para entrar e sair despercebido.

Ledusha, a poetisa, estréia falando de Rubem Braga e a crônica. Enio Squeff aborda o salve-se-quem-puder implantado pelo neoliberalismo. Gilberto Vasconcellos também estréia seção, como Mylton Severiano. A de Gilberto ele próprio batizou de “Ocaso do Milênio”. Farpa para todo o lado

Ensaio: Antônio Augusto Fontes

Em lugar da entrevista explosiva, um debate, não menos explosivo: professor Bautista Vidal e João Perdo Stedile. Idéias revolucionárias de verdades para um Brasil diferente, colocadas por duas mentes privilegiadas

Paulo Freire traz reminiscências da infância, adolescência, idade adulta e faz uma declaração pública de amor à mulher que ganhou seu coração. Georges Bourdoukan escolheu a Suíça para dar suas sentidas bordoadas. Ieda E. de Abreu é outra poetisa a entrar no time de Caros Amigos. Diz que capital não rima com poesia

O repórter Sérgio Kalili consegue chegar nos Racionais, o fechado grupo de Rap que mais sucesso faz hoje no país, mas que não gosta dos grandes meios de comunicação, xinga nas letras o establishment , a polícia, e está do lado dos marginalizados, da periferia. Um fenômeno que vai dar muito o que falar.

Plínio Marcos conta histórias de gente do teatro

Frei Betto faz uma incursão na bioética

Jaguar


 

EDITORA CAROS AMIGOS

Sede administrativa e redação

 Rua Vieira de Carvalho n. 115, Conj. 31, Santa Ifigênia , São Paulo-SP. CEP: 01210-010

Estoque e distribuição:

Rua Garcia Aquilino, 10, casa 01, Moinho Velho, São Paulo, SP, CEP 02929-070

Atendimento: 0800 777 6601 

2017 - Lojacarosamigos.com.br - Todos os direitos reservado
Desenvolvido por 001SHOP