Compre pelo Telefone: 0800.777.6601

Buscar

Digite o termo que deseja buscar:

Top 5




Início > Edições Temáticas > Ed 060 Mensalão
Ed 060 Mensalão



clique na imagem para ampliar
Mais Fotos
Receba seu exemplar em casa - FRETE GRÁTIS
Disponibilidade para envio: Imediata
R$ 13,50


Pague em até 6x no cartão

1 x R$ 13,50Total - R$ 13,50
2 x R$ 6,75Total - R$ 13,50
3 x R$ 4,50Total - R$ 13,50
4 x R$ 3,38Total - R$ 13,52
5 x R$ 2,70Total - R$ 13,50
6 x R$ 2,25Total - R$ 13,50

 


Quer saber o valor do frete?
Entre com seu CEP    
   
Não era o que você procurava?
Envie-nos uma mensagem.

Características

Prezados (as),

 

Saudações.

 

Caros Amigos acaba de lançar nas bancas a Edição Especial sobre “As Várias Faces do Mensalão”. A revista enfrentou o desafio de tratar desse tema tão polêmico sem cair no discurso dominante da imprensa de direita e também sem esconder questões fundamentais que têm gerado os principais casos de corrupção política no Brasil, desde o sistema de financiamento de campanhas eleitorais, o fisiologismo das coligações governamentais, até as concepções partidárias nas quais os fins justificam todos os meios.

Denunciado em 2005, o caso do “mensalão” atingiu em cheio o primeiro governo Lula. Serviu de pretexto para a mídia reacionária e forças da direita atacarem a aliança da situação, o PT e parte das esquerdas. Especialmente porque apontava o envolvimento de importantes dirigentes petistas num escândalo de corrupção, no desvio de recursos públicos para alimentar o fisiologismo de políticos conservadores – do PP, PTB, PMDB e ex-PL.

Sete anos depois, o julgamento do caso do “mensalão” no Supremo Tribunal Federal, transmitido ao vivo pela TV, se transformou num espetáculo público de grande dimensão. Não foi o único caso de corrupção denunciado, no Brasil, nos governos civis desde o final da Ditadura Militar, em 1985. Também não foi o único em que políticos usaram recursos públicos e privados para a sustentação de seus esquemas políticos.

Ao contrário, em duas décadas tivemos o caso Collor-PC Farias, o golpe do Banco Econômico, o golpe do Banestado, os desvios do Maluf, o caso do “mensalão” tucano, o golpe do Opportunity, o golpe da Camargo Corrêa e tantos outros com características semelhantes: uso de dinheiro público para favorecimento de empresas privadas e pagamento de propinas a políticos, com desdobramentos em sonegação de impostos, evasão de divisas e lavagem de dinheiro ilícito.

Entre tantos casos graves e inaceitáveis, o processo do “mensalão” do PT foi o único que foi levado a julgamento, evidentemente porque atinge de forma profunda o partido que, até então, era o mais aguerrido na luta contra os crimes de corrupção praticados pela direita, alta burguesia, setor financeiro e oligarquias reacionárias – em situações decorrentes da promiscuidade entre interesses privados e recursos públicos.

O julgamento do “mensalão” do governo Lula suscita também a análise sobre os desvios éticos e políticos praticados por dirigentes e líderes partidários. Afinal, existe alguma diferença entre a direita desviar dinheiro público e a esquerda desviar dinheiro público? Existe algum tipo de atenuante se o dinheiro desviado serviu para campanhas eleitorais ou para compor a sustentação política do governo com partidos de direita?

A edição especial da revista Caros Amigos procura resgatar toda a história do “mensalão” do PT, lembrar os inúmeros casos de corrupção que continuam impunes e analisar, sob o ponto de vista das esquerdas, como encarar o que aconteceu e o que fazer para prevalecer a defesa da política, dos partidos e da militância, com princípios e valores éticos.

O jornalismo é sempre melhor para a sociedade quando não foge dos problemas, mas encara-os na perspectiva de construção de um país melhor, livre, soberano, democrático, justo e igualitário.

Vale a pena conferir. Caros Amigos – o jornalismo crítico e independente!

 

            Abraços.

           

            Hamilton Octavio de Souza

                Editor-Chefe

 

Participaram: Laurindo Lalo Leal Filho (Editor do Especial), Dalmo Dallari, Danilo Mekari, Débora Prado, Desirèe Luíse, Júlio Delmanto, Paula Sacchetta, Rodrigo Cruz.


RECEBA SEU EXEMPLAR EM CASA SEM PAGAR MAIS POR ISSO.

COMPRE NA LOJA CAROS AMIGOS


 

EDITORA CAROS AMIGOS

Sede administrativa e redação

 Rua Vieira de Carvalho n. 115, Conj. 31, Santa Ifigênia , São Paulo-SP. CEP: 01210-010

Estoque e distribuição:

Rua Garcia Aquilino, 10, casa 01, Moinho Velho, São Paulo, SP, CEP 02929-070

Atendimento: 0800 777 6601 

2017 - Lojacarosamigos.com.br - Todos os direitos reservado
Desenvolvido por 001SHOP